segunda-feira, 27 de abril de 2015

Navios de cruzeiro escalam o porto do Cais do Pico

Nos próximos dias o porto do Cais do Pico, na vila de São Roque do Pico, vai receber a visita de dois navios de cruzeiro.

No dia 28 de abril (terça-feira) está prevista a escala do navio Serenissima (chegada às 7h00 e partida às 23h30).


Este navio de cruzeiro, com capacidade para 100 passageiros, está a realizar um itinerário pelas 9 ilhas dos Açores durante 10 dias, com partida e chegada na ilha de São Miguel. O público alvo é o do mercado britânico, sendo que esta viagem tem um custo mínimo de 3395 libras (cerca de 4700 euros).

Mais informações:

No dia 2 de maio (sábado) será a vez da escala do navio Sea Adventurer (chegada às 7h00 e partida às 13h00).


Este navio de cruzeiro, com capacidade para 110 passageiros, vai realizar um itinerário pelos Açores (São Miguel, Graciosa, Pico, Faial, Terceira e Santa Maria), ilha da Madeira, Canárias (Tenerife e Lanzarote), Marrocos (Agadir, Casablanca), Espanha (Cádiz/Sevilha) e Portugal Continental (Faro e Lisboa), tudo isto durante 17 dias. O público alvo é o dos Estados Unidos, sendo que esta viagem tem um custo mínimo de 9980 dólares (cerca de 9300 euros).

Mais informações:

Esta é mais uma prova das potencialidades da ilha do Pico no mercado do turismo de cruzeiros. É pena o (mais do que prometido) porto marítimo dedicado a passageiros na vila de São Roque do Pico ainda não ter sido construído, o que permitira à ilha montanha não só ter as condições adequadas à receção dos turistas, mas também ter a capacidade de poder receber mais e maiores navios de cruzeiros. Até lá é caso para dizer que deixaram os picarotos a ver navios...

Haja saúde!

domingo, 26 de abril de 2015

Vitória Futebol Clube é campeão

O Vitória Futebol Clube sagrou-se hoje campeão do Campeonato 2014/2015 da Associação de Futebol da Horta.

O clube de São Roque do Pico (e que ostenta no seu símbolo as mesmas palavras que dão nome a este blog) obteve assim, a uma jornada do fim do campeonato, o direito a participar no Campeonato Regional de Seniores na época 2015/2016 (a atual Liga Meo Açores).
Parabéns a toda a equipa do Vitória!

Haja saúde!

sábado, 25 de abril de 2015

Caminhando pela vila de São Roque do Pico - registo das mudanças de visual

Esta viagem inicia-se tal como o percurso escolar das crianças: pelo Jardim de Infância "O Pica Pau". As obras no exterior deste infantário, o qual pertence à Santa Casa da Misericórdia de São Roque do Pico, parecem estar "nos finalmentes". Recorde-se que "O Pica Pau" encontra-se na lista das escolas distinguidas com "Bandeira Verde Eco-Escola".



Caminhando para leste pela Rua Poeta Almeida Firmino em direção à Rua Dr. Tibério Ávila Brasil e percorrendo toda esta rua, eis que se chega ao Convento de São Pedro de Alcântara. Aproveita-se para fazer um pedido recorrendo à Árvore do Desejo e nota-se que algumas árvores foram podadas, permitindo uma melhor luminosidade tanto na zona da igreja como na frente da Pousada de Juventude do Pico, a qual foi um dos alojamentos turísticos distinguidos com o galardão Miosotis.


Com uma melhor visão sobre a vila de São Roque do Pico a partir do adro deste convento, eis que se nota ao longe um marco vermelho, lá para os lados da "ponta rasa". Segue-se então nessa direção: desce-se pela Rua João Bento de Lima, vira-se à direita para a Estrada Regional e torna-se a mudar de rumo para chegar à Avenida do Mar. Surge então o novo moinho da antiga Rua do Moinho, com umas palhetas ligeiramente maiores em relação à primeira versão mas ainda diferentes da forma que tinham no moinho original...



Olhando na direção oeste avista-se ao longe o Museu da Indústria Baleeira e surge logo a ideia de visitar esta antiga Fábrica da Baleia, o maior e mais importante complexo de transformação e processamento de cachalotes dos Açores. Caminha-se então nessa direção: partindo da Avenida do Mar regressa-se à Estrada Regional, olha-se de novo para o convento e para a Árvore do Desejo...


... toma-se a Rua do Cais, cumprimenta-se o D. Dinis que se encontra junto ao Cais Velho, entra-se na Rua do Poço e eis que surge mais uma novidade: parece que a "Casa dos Sofias" também está "nos finalmentes". Este edifício será um centro de exposições com uma mostra permanente de trabalho em osso e marfim de baleia, tendo inauguração prevista para o fim deste mês.



Retomando a rota delineada, chega-se à Praceta dos Baleeiros e surge logo um contratempo: parece que ao fim de semana a antiga Fábrica da Baleia só abre da parte da manhã e, como já passa da hora de almoço, a porta está fechada. O baleeiro que vigia a baía do Cais do Pico, noite e dia sem parar, comenta que até lhe custa o que se passa nas suas costas durante o verão: às segundas-feiras estacionam autocarros de turistas que encontram este museu fechado e assim não têm outro remédio senão efetuar uma visita virtual ao Museu da Indústria Baleeira, enquanto que os restantes polos do Museu do Pico estão abertos...

Bom, restando algum tempo pondera-se então um passeio de barco. Agora a colocação dos barcos de recreio no mar ocorre no porto de pescas. Após um início atribulado na instalação da grua no porto de pescas, este equipamento ficou recentemente a funcionar e as obras neste porto podem ser dadas como concluídas. Concluída ficou também esta viagem, pois entretanto começou a chover e não houve passeio de barco para ninguém...


Haja saúde!

quinta-feira, 23 de abril de 2015

Alojamentos turísticos do Pico distinguidos com galardão Miosotis

O galardão Miosotis visa reconhecer os alojamentos que implementam boas práticas ambientais de acordo com as caraterísticas específicas regionais dos Açores, para além de sensibilizar funcionários e clientes dos alojamentos turísticos para boas práticas ambientais.

Na ilha do Pico foram distinguidos os seguintes alojamentos turísticos (lista completa neste link):

Concelho Nome do alojamento Nível atingido
São Roque do Pico A Casa do Ouvidor

Quinta da Ribeira da Urze

Abegoria

Alto da Bonança

Pousada de Juventude Pico








Lajes do Pico Casa da Torre

Glicínias do Pico

Aldeia da Fonte




Madalena Jeirões do Mar

Como curiosidade, o nome deste galardão tem origem na planta Myosotis maritima, vulgarmente conhecida por "não-me-esqueças", a qual é endémica dos Açores (link para mais informações):


As cinco pétalas desta planta representam aos 5 níveis do galardão. O nome "não-me-esqueças" quer-se um lema de todos quantos visitam os Açores, pelas suas singularidades naturais e raridades, com o mínimo de impacte. Esta flor é assim um símbolo de equilíbrio entre a componente natural e a humana, tal como o pretendido aos empreendimentos turísticos que exibam este galardão.

Haja saúde!

quarta-feira, 22 de abril de 2015

O maior "nature aquarium" do mundo é feito com pedra do Pico

É hoje aberta ao público a nova exposição temporária do Oceanário de Lisboa, "Florestas Submersas by Takashi Amano", a qual apresenta o maior nature aquarium do mundo.

De entre os vários factos relevantes sobre a exposição, destaque para as 25 toneladas de rocha vulcânica originária da ilha do Pico que integram este aquário!



Haja saúde!

terça-feira, 21 de abril de 2015

Escola de São Roque do Pico vence fase zonal dos Jogos Desportivos Escolares

De 14 a 17 de abril disputou-se, em Vila Franca do Campo, a fase zonal A do 3.º ciclo da XXVI edição dos Jogos Desportivos Escolares, tendo a Escola Básica e Secundária de São Roque do Pico se classificado em primeiro lugar.

© Escola Básica e Secundária de São Roque do Pico

A edição de 2015 deste evento, com o lema "Desporto para Sempre!", mostra mais uma vez como os Jogos Desportivos Escolares continuam de forma segura a ser uma das maiores e mais valiosas expressões do Desporto Escolar Açores.

Links relacionados:

Parabéns a toda a comitiva da Escola Básica e Secundária de São Roque do Pico!

Haja saúde!

segunda-feira, 20 de abril de 2015

Laço Azul humano em São Roque do Pico

Numa parceria entre a Escola Básica e Secundária de São Roque do Pico e a Comissão de Proteção de Crianças e Jovens (CPCJ) de São Roque do Pico, foi hoje "desenhado" um laço azul humano no campo de jogos desta escola:


Recorde-se que o mês de abril é o mês da prevenção dos maus tratos na infância, simbolizado pelo laço azul e que tem origem na campanha Blue Ribbon, iniciada em 1989 na Virgínia, E.U.A., quando uma avó, Bonnie W. Finney, amarrou uma fita azul à antena do seu carro para fazer com que as pessoas se questionassem. A história que Bonnie Finney contou aos elementos da comunidade que a interpelaram foi trágica, contando os episódios de maus-tratos à sua neta. O seu neto já tinha sido morto por maus tratos, de forma brutal. E porquê azul? Porque apesar do azul ser uma cor bonita, Bonnie Finney não queria esquecer os corpos batidos e cheios de nódoas negras dos seus dois netos. O azul servir-lhe-ia como um alerta constante para a sua luta na proteção das crianças contra os maus tratos.

Haja saúde!

Radar da PSP - abril de 2015

Segundo o site da PSP, no mês de abril irá ser feita uma acção de fiscalização com radar na ilha do Pico, nomeadamente em

22 de abril (quarta-feira) / Estrada Regional - Madalena / 08h00

Já sabe: se conduzir não beba!

Haja saúde!

sábado, 18 de abril de 2015

Museu do Pico - visitas virtuais

O Museu do Pico, enquadrado na categoria de Museu Regional, reúne as extensões do Museu da Indústria Baleeira, na vila de São Roque, do Museu dos Baleeiros, na vila das Lajes, e do Museu do Vinho, na vila da Madalena.

Os três polos/núcleos museológicos assumem-se como instrumentos capazes de propiciar a valorização do património cultural da ilha do Pico e de colaborar na construção da sua identidade, fazendo o levantamento, a preservação, o estudo e a divulgação das suas memórias coletivas, associadas aos históricos ciclos regionais da baleação e da vitivinicultura.

Estão disponíveis online visitas virtuais aos polos do Museu do Pico (clique na imagem respetiva para aceder às mesmas):

O Museu da Indústria Baleeira, antiga Fábrica da Baleia Armações Baleeiras Reunidas, Lda., em São Roque do Pico, é o primeiro museu industrial público dos Açores. A sociedade Armações Baleeiras Reunidas, Lda., constituída em 1942, articulou dois sistemas produtivos: a pesca da baleia (cachalote) e a produção dos seus derivados, assim como a sua comercialização. Esta unidade fabril foi o maior e mais importante complexo de transformação e processamento de cachalotes dos Açores e laborou entre 1949 e 1984.

O Museu dos Baleeiros, nas Lajes do Pico, o único em Portugal especializado na baleação artesanal, estacional e costeira, e o mais visitado dos Açores, em complementaridade com o Museu da Indústria Baleeira assume-se como a única estrutura museológica da Região com potencial para se tornar um espaço privilegiado de explicação global da baleação açoriana.



A criação do Museu do Vinho, na Madalena, deve ser entendida como uma inevitabilidade histórica. A organização de um museu subordinado à temática da vinha identifica-se com a principal atividade económica exercida pela comunidade que ocupou este território, desde o seu povoamento.




Contudo, nada substitui uma visita presencial aos três polos do Museu do Pico, abertos no seguinte horário:
  • 3ª a 6ª feira: 09h00 – 12h30 e 14h00 – 17h00
  • Sábados e Domingos: 09h00 – 12h30 (apenas Museu da Indústria Baleeira e Museu do Vinho)
  • Sábados e Domingos: 14h00 - 17h30 (apenas Museu dos Baleeiros)
  • Encerrado ao público: 2ª feira e feriados (excecionalmente, de 15 de junho a 15 de setembro, o Museu dos Baleeiros e o Museu do Vinho estão abertos ao público à 2ª feira)

Haja saúde!

sexta-feira, 17 de abril de 2015

Horários de julho e agosto da SATA na rota Lisboa-Pico-Lisboa

Após ter sido notícia neste blog, em primeira mão, de que a SATA prepara-se para operar a rota Lisboa-Pico-Lisboa sem escala na ilha Terceira durante os meses de julho e agosto, chegam agora as informações sobre os horários:

Dia da semanaOrigemPartidaDestinoChegadaDuraçãoNº. Voo
2ª Feiras
(julho e agosto)
Lisboa15:00Pico16:4002:40S4 143
2ª Feiras
(julho e agosto)
Pico17:30Lisboa21:0502:35S4 142
Sábados
(julho e agosto)
Lisboa15:15Pico16:5502:40S4 143
Sábados
(julho e agosto)
Pico17:45Lisboa21:2002:35S4 142

Como se pode observar, a principal alteração é a chegada a Lisboa uma hora mais cedo face ao horário atual que escala a ilha Terceira (no separador 'Aviões' deste blog encontram-se todos os horários dos aviões que servem a ilha do Pico).

Haja saúde!